segunda-feira, junho 02, 2014

OPINIÃO: As bíblias da Coreia do Norte

Por Angela Mezacasa


Gostaria de esfregar essas fotos na cara de certos acadêmicos que leram nos seus autores pós-moderninhos que na Coreia do Norte não tem liberdade religiosa e que "a leitura da Bíblia é punida com a morte na Coreia do Norte".





Não importa quantos títulos acadêmicos ele tenha, um mentiroso será sempre um mentiroso!

5 comentários:

Djailton Mgalhães disse...

A mentira é uma ferramenta usada por intelectuais desonestos para legitimar a hegemonia do pensamento ocidental. sobrepujando toda corrente de pensamento que venha a de contra a sua doutrina burguesa, o ocidente também as denomina como um mau que precisa ser eliminado da "civilização".

diego garcia de matos disse...

Uma mentira contada 1000 vezes não a torna uma verdade. Grande Angela.

Pedagogia do Futuro disse...

Esta é mais uma prova cabal de que a verdade sempre aparece. Por isso ao ver esta missa fotografada, eu tive vontade de estar nesta igreja, e participar dela, e filmar, e esfregar na cara de certos "irmãos de fé", fanáticos religiosos, que só sabem reproduzir besteiras que ouvem, e dizer a eles: Olhem vocês, eu exercendo abertamente minha fé cristã aqui na comunista Coréia do Norte! Vão procurar saber a verdade, em vez de criticar quem sempre defendeu o pobre na prática!

earthcraft disse...

Pelo que eu consegui ler,as praticas anti-religiosas da coreia do norte foeam acabadas em 1960 hoje existem 600 alternativas 200 budistas,5 catolicas e 1 ortodoxa russa,essa pratica de execuçao por ter uma biblia não esta na consitutiçao da coreia do norte(2013)

Eduardo Consolo dos Santos disse...

Deveríamos esfregar isso na cara do Marco Feliciano.